O processo de  permanente afro que é utilizado pelas melhores marcas do mundo  é feito em 3 etapas. Logicamente as instruções abaixo não substituem um curso, ou aperfeiçoamento em técnicas de Permanente, é apenas uma noção básica de como é feito.

Primeira etapa: E feito um teste de mecha com o creme alisante, para se verificar a elasticidade e “saúde” dos fios, enxágua-se e aplica-se a loção Onduladora. Nesse procedimento o profissional vai averiguar se os cabelos tem condições de se fazer o processo de Permanente.  Uma condição básica numa analise de teste é; se o cabelo não ficar totalmente anelado, este cabelo não estará apropriado para se fazer.

Feito o teste, e aprovado, é necessário a aplicação do creme alisante, que vai fazer a desestruturação dos fios, nessa etapa os fios devem ficar totalmente alisados, faz-se necessário o uso da toca ao final do alisamento.

Segunda etapa: Depois dos cabelos alisados e enxaguados, aplica-se a Loção Onduladora que é o produto responsável pela nova forma dos cabelos, é nessa etapa que o profissional vai fazer uso dos bigudins e do papel para fazer o enrolamento das pequenas mechas de cabelo. Algumas cabeleireiras credeciam o sucesso do Permanente Afro ao bom enxague da Loção Onduladora, ja que é fundamental que os cabelos estejam absolutamente livres de qualquer resíduo antes de ir para a terceira etapa.

Terceira etapa; A neutralização, é feita no final, ainda com os cabelos enrolados no bigudins, devendo ficar com o neutralizante pelo período determinado pelo fabricante.

E de suma importância usar a manutenção da mesma marca para que haja uma maior durabilidade do Permanente.